Vietnã - Halong Bay

Quando estava pesquisando sobre destinos no Vietnã, percebi que Ha Long Bay (ou Halong Bay) era um dos locais mais citados nos blogs de viagem. Aos ver as fotos e comentários dos viajantes, fiquei com muita vontade de conhecê-lo. Mas decidir qual a melhor forma de fazer isso, foi uma das coisas mais difíceis de escolher no planejamento da viagem, porque as opções são muitas e muito variadas.

Halong Bay está localizada na província de Quang Ning, há uma distância de aproximadamente 180 km de Hanói. A viagem até lá dura entre 3,5 e 4 horas. Portanto, tenha em mente que você vai gastar metade de um dia para chegar até lá e outra metade para voltar. É importante ter esse dado em mente, principalmente se você está programando sua viagem por conta própria.
A baía tem uma longa costa, com 120 km - aproximadamente 1.553 quilômetros quadrados - e 1969 ilhotas. Em 2011, Ha Long Bay foi eleita uma das 7 Novas Maravilhas Naturais do Mundo.


Mapa do percurso feito pelas embarcações
Para conhecer bem Halong Bay, é necessário fazer um cruzeiro pela baia. Só assim é possível desfrutar de toda a beleza do lugar. E é aí que mora a dificuldade. Há várias opções de cruzeiros, com os mais diferentes preços e padrões. Depois de muito pesquisar, resolvi contratar os serviços da Signature Halong Cruise. Contratei pelo Booking e, chegando a Hanoi, busquei o voucher na agência local.
Como vi vários comentários de pessoas que tiveram experiências ruins, resolvi investir um pouco mais e contratar uma das empresas com melhor avaliação no Booking. Comparando com os preços de hotéis e atrações, esse passeio não fica barato. Paguei aproximadamente U$ 450,00 para um casal com transfere, hospedagem e todos as refeições incluídas. Mas há opções mais baratas (e mais caras também rsrs). Outra dúvida, foi quantos dias ficar. Os cruzeiros oferecem opções de passeios com dois dias e uma noite, ou três dias e duas noites. Eu até queria ter comprado o de duas noites, mas acabei comprando o de uma noite, e acho que fiz a escolha certa. Depois vi que no segundo dia o barco passa mais ou menos pelos mesmos locais e não há tantas opções de passeios a se fazer. Então, a não ser que você tenha tempo sobrando e queira aproveitar o conforto do barco para descansar, acho que o tour de dois dias e uma noite é suficiente.

Dadas as devidas explicações, vamos a minha experiência.

Dia 1

A van nos pegou no nosso hotel em Hanoi, por volta das 7h da manhã, havia mais dois casais na mesma van conosco. Na ida e na volta, eles param em uns locais com lanchonete e venda de artesanato. São locais até interessantes pois têm uns trabalhos bonitos de artistas locais. Chegando ao cais de onde partem os barcos, ficamos aguardando o momento de embarcar em um lounge e recebemos um drink de boas vindas.


O embarque foi feito por volta das 12h e logo que o navio zarpa é servido um almoço em sistema de buffet. Achei as opções muito boas. 

Daí para a frente o programa foi apreciar a paisagem deslumbrante de Halong Bay. Como nosso quarto tinha uma varanda aproveitamos a vista de lá e depois subimos para o deck na cobertura. O barco faz um trajeto que passa ao redor do Golfo de Tonkin, incluindo Halong Bay, Lan Ha Bay, Bai Tu Long Bay. 
O dia estava um pouco nublado, mas estava bem quente e aos poucos o tempo foi abrindo. Enquanto não chegávamos a nossa primeira parada, ficamos tomando uma cervejinha no deck e apreciando a vista.


A primeira parada é para conhecer uma vila de criação de ostras, pois o Pacífico Sul é muito conhecido pelas pérolas. primeiro embarcamos em um pequeno barco que nos levou até a vila flutuante, onde as ostras são cultivadas, de lá seguimos em pequenas canoas a remo. As canoas fazem um pequeno percurso entre as ilhas que formam Halong Bay, passando por tuneis naturais até chegarem à cooperativa local de cultivo de pérolas, onde foi feita uma demonstração de como é feito o cultivo e a colheita. 


Depois da demonstração de como as pérolas são cultivadas, tivemos um tempo para ir conhecer a loja. Lá pode-se comprar brincos, colares e outros objetos feitos com as pérolas locais. Eu particularmente não fiquei com vontade de comprar nada, mas teve gente que se esbaldou.


Depois disso, voltamos ao barco e já estava preparada uma aula de culinária vientamita. A aula é bem simples, geralmente com protutos crus que precisam apenas ser montados, mas achei interessante para conhecer um pouco da culinária local. O jantar é servido na mesa e os pratos são muito lindos e saborosos. 



À noite os barcos se agrupam em um mesmo local para passar a noite. É interessante ver a iluminação dos barcos depois que o sol se põe.


Dia 2

Na manhã do segundo dia, logo depois do café da manhã, fomos conhecer Thien Cung Cave. Como o nome já diz, é uma caverna que fica no alto de uma montanha em uma das ilhas que compõem Ha Long Bay. Apesar de conhecer várias cavernas, afinal de contas aqui em Minas Gerais temos muitas delas, achei o passeio bem interessante. A caverna é muito grande e bem iluminada, e como fica em local alto, tem uma vista privilegiada da Baia de Ha Long.



Depois de conhecer a caverna, voltamos ao barco para almoçar e retornar ao cais para desembarque e retorno a Hanói. Antes do almoço ainda deu tempo de dar um mergulho nas águas geladas da baia, pena que não tirei fotos desse feito.

As acomodações

Como já mencionei aqui, esse foi um passeio caro para o padrões de preço do Vietnã, para que quer fazer algo mais simples, há opção de passeios em barcos bem mais simples e opções de passeio sem hospedagem. Pesquisando na internet você vai encontrar outros relatos de experiências em todo tipo de embarcação.
Apesar de ter escolhido uma opção mais cara, achei que valeu muito o dinheiro gasto. O barco é lindo e muito confortável. O quarto era tão agradável que tivemos que nos esforçar para frequentar os outros ambientes da embarcação, além de disponibilizar todas as amenidades de um bom hotel. 







O barco, além das atividades já incluídas no pacote, oferece várias atividades, como pesca, snorkel e passeio de caiaque, mediante um custo adicional. Como fiquei apenas uma noite, achei que não valia a pena, mas para quem fica mais tempo, talvez seja interessante. Há também tratamentos de massagens, mediante pedido.



Não posso deixar de comentar aqui, que o passeio de dois dias e uma noite inclui o tempo de ida e volta a Hanói, por isso o embarque é feito às 12h de um dia e o desembarque é feito às 12h do dia seguinte. Dessa forma, eles pedem que você esteja com as malas arrumadas até as 10h, para que o quarto seja arrumado para o próximo hóspede. Muitas pessoas reclamam disso, mas temos que entender que entre o nosso desembarque e o embarque dos próximos passageiros, a equipe precisa de um tempo para fazer a limpeza.




SHARE:

Nenhum comentário

Postar um comentário

Blogger Template Created by pipdig